sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

NOVO ÁLBUM DO BON JOVI SERÁ MAIS SÉRIO

Bon Jovi: David, Jon, Richie e Tico
Jon Bon Jovi recentemente descreveu "What About Now" como sendo um "grande álbum de rock", mas que conterá "muitos comentários sociais", incluindo a crise econômica mundial e desemprego.

"Estamos passando por um momento específico no tempo. E esse momento quase nos forçou a lançar o álbum, de outra maneira, o assunto principal se torna ultrapassado", explicou o vocalista.

Ainda, ele disse não se preocupar com a atual crise econômica, e encara a situação como uma oportunidade para fazer coisas da maneira que fazia quando a banda começava a carreira. "Você escreve uma canção para si mesmo. Se as pessoas se identificarem com ela, a encontrarão. O que acontece depois não tem controle, mas não é frustrante", disse.

O Bon Jovi foi anunciado como atração principal do festival de verão que acontecerá no Hyde Park (em Londres), entre os dias 28 de Junho e 07 de Julho. A banda subirá ao palco no dia 05 de Julho.

Bem, a julgar pela pavorosa "Because We Can", não parece que será dessa vez que a banda lançará um álbum de rock, propriamente dito.  O que nos aguarda é mais do AC Rock que o Bon Jovi vem fazendo desde o final da década de 90. E que fique claro, não tenho absolutamente nada contra o rock mais contemporâneo, apenas acho que a mudança de ares foi contraproducente para a banda.

É indiscutível que os dólares continuam entrando na conta da banda, mas o que eles lançaram de relevante nos últimos anos? Quais canções dos álbuns mais recentes você imagina sendo tocadas em shows daqui uns 20 anos? Claro, você deve ter lembrado de alguns nomes, mas ainda acredito na reação do público para medir o impacto das canções de uma banda, e aí a coisa fica muito feia para o Bon Jovi.

Muitos diriam que não é justo comparar canções mais recentes com os clássicos da banda, mas não podemos nos esquecer que "Living On A Prayer", "Wanted Dead Or Alive", "In And Out Of Love", "Born To Be My Baby", "I'll B There For You" e tantas outras não nasceram clássicas, e só se tornaram assim pela qualidade embutida nelas.

Curiosamente, me parece que quanto mais a banda corta os cabelos, pior as coisas ficam. Está na hora de o Bon Jovi deixar as cabeleiras crescerem novamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...