sexta-feira, 27 de novembro de 2020

OBRIGADO

 

Há algumas semanas a AORWatchTower voltou à ativa.

Quem acompanha o blog sabe o que gerou o hiato em que nos encontrávamos.

E acreditem, senti muita falta deste lugar.

Afinal de contas, a AORWatchTower já tem mais de uma década de existência e me informa tanto quanto a vocês. É um hábito saudável buscar informações sobre o universo dos bons sons que tanto curtimos e dividir essas novidades com vocês é o único objetivo da casa.

E me surpreendi com a repercussão do retorno à casa.

Recebi - e ainda venho recebendo - mensagens de gente de todo canto, expressando alegria com a volta da AORWatchTower, e para mim não há coisa melhor.

As várias mensagens de apoio que recebi ao longo dessas semanas ausente foram de suam importância e decisivas para que as funções da casa fossem retomadas.

Assim sendo, quero deixar um velado MUITO OBRIGADO à todos que enviaram mensagens e que continuam a frequentar nosso canto na internet.

Como disse, a AORWatchTower só existe por causa de seus leitores e sem vocês não há razão desse blog existir.

Que os deuses lhes concedam paz, saúde e bons sons. Sempre.

Rock on...

GEORGE LYNCH E JEFF PILSON VOLTAM AO CENÁRIO COM ÁLBUM INUSITADO

Lynch e Pilson vem aí com proposta arriscada
O virtuoso George Lynch se juntou a Jeff Pilson para um álbum que visa transformar canções conhecidas em grandes hinos carregados de peso. Com lançamento previsto para o dia 18 de Dezembro via Deadline Music, "Heavy Hitters" trará covers de gente como Duran Duran, Prince, R.E.M., Carole King, Oasis e outros. .

Em recebte entrevista para a Audio Ink Radio, Lynch falou sobre o álbum: "Há um projeto que gravei com Jeff Pilson chamado "Heavy Hitters" que é muito interessante. São duas canções de cada uma das últimas cinco décadas que nós reimaginamos e reinterpretamos e nos divertimos muito com elas. Então há coisas que vão de Little Richard à Madonna à Timbaland à Duran Duran - todo tipo diferente de música com as quais nos divertimos. E pode haver uma série desse tipo de álbum. Acabamos de terminar novo primeiro volume e podemos estar começando uma série deles."

O tracklist de "Heavy Hitters" é:

01 One Of Us
02 You Got The Love
03 I Feel The Earth
04 Ordinary World
05 Music
06 Apologize
07 Nowhere To Run
08 Kiss
09 It's The End Of The World As We Know It (And I Feel Fine)
10 Champagne Supernova
Bonus track
11 Lucille

No mínimo, interessante...

quinta-feira, 26 de novembro de 2020

BREAKING NEWS

* David Coverdale gravou um vídeo onde faz o unboxing do álbum "Love Songs", do Whitesnake,que traz remixes de várias canções da banda. Você pode assisti-lo aqui;

* Os canadenses da Saga anunciam o lançamento de "Symmetry" para o dia 12 de Março de 2121, via earMUSIC;

* "Power Up", o mais recente álbum dos veteranos do AC/DC, está na posição #1 em 18 países.

sexta-feira, 20 de novembro de 2020

STAN BUSH ACERTA COM "DARE TO DREAM"

Stan Bush retoma a carreira em grande estilo

Lançado oficialmente hoje, "Dare To Dream" marca o retorno do grande Stan Bush ao cenário depois de três anos.

Gravado com a ilustre companhia de Holger Fath (responsável por quase todos os instrumentos), o álbum traz o que se espera de qualquer coisa com a assinatura de Bush: arranjos empolgantes, melodias envolventes e refrões explosivos. A aura 80's se faz presente de vez em quando, é verdade.

E "Dare To Dream" traz todos esses elementos em abundância.

Rockers bem bacanas predominam o tracklist, mas há baladas e mid-pacers feitos sob medida para aqueles momentos mais introspectivos do ouvinte.

A produção é enxuta, bem equilibrada e sem exageros, o que confere uma sonoridade agradável e diferente do que se ouve ultimamente, com aquela taxa de compressão na estratosfera.

Enfim, se você é fã de Stan Bush, prepare-se para mais um álbum "daqueles", com um tracklist coeso e repleto de grandes canções, como as mais dignas trilhas sonoras dos anos 80.

Ao contrário do que se anuncia para qualquer porcaria lançada nos últimos anos, "Dare To Dream" é, de fato, um legítimo álbum de AOR oitentista.

quinta-feira, 19 de novembro de 2020

BREAKING NEWS

 

* O kit usado por Alex Van Halen em 1980 está a venda por cômodos U$ 275.000,00. Você pode conferir detalhes do brinquedo aqui;

* Os veteranos do Saxon revelaram que "Inspirations", seu próximo trabalho, será totalmente de covers;

* James LaBrie anunciou que seu novo álbum será "orientado para o lado acústico" e terá a presença do baixista escocês Paul Logue, da Eden's Curse.

quarta-feira, 18 de novembro de 2020

O PESSOAL DO ROCK AND ROLL HALL OF FAME ODEIA O TOTO

Steve Lukather, circa 2020

Pelo menos é o que o guitarrista Steve Lukather pensa.

Em recente entrevista concedida ao pessoal do Misplaced Straws - enquanto promovia seu novo álbum "I Found The Sun Again" - Lukather foi questionado sobre os motivos que fazem com que o Toto ainda não tenha sido incluído naquela instituição.

"É porque eles nos odeiam e tem nos odiado desde 1978. Mas a parte interessante é que, pela primeira vez em 43 anos fui chamado para uma entrevista na Rolling Stone", disse Lukather.

O guitarrista continou: "Perguntei ao meu pessoal da RP, 'É uma pegadinha?' Porque aqueles caras me atacam na banda do Ringo Starr. Eu estou na banda do Ringo e eles me atacam. E aí um outro bundão escreve coisas horríveis sobre 'Africa', uma canção escrita em 1981, inclusive. Ok, 1981, mas ainda está em todo lugar."

O desabafo de Lukather seguiu: "É como herpes, volta quando você menos espera, mas ao mesmo tempo, é um ovo de ouro. Mas esse ovo de ouro que Satã tem e ele o segura sobre nossas cabeças agora. E é como se eles pensassem que nós só tenhamos escrito uma canção porque é o que eles têm. Mas, cara, temos muito material."

Em 2018 um artigo chamado "How Toto's 'Africa' Became The New 'Don't Stop Believin'', o escritor Rob Sheffield descreveu a canção do Toto como sendo "ridícula por definição" e afirmou que o vídeo da canção era "incrivelmente racista".

terça-feira, 17 de novembro de 2020

JOEL HOEKSTRA VOLTA AO CENÁRIO

Arte do novo álbum de Joel Hoekstra's 13
O guitarrista Joel Hoekstra volta à ativa com "Running Games", o segundo trabalho de seu projeto Joel Hoekstra's 13, a ser lançado em 21 de Fevereiro próximo.

Acompanhando o guitarrista estão o vocalista Russell Allen, o baterista Vinny Appice, o tecladista Derek Sherinian e o baixista Tony Franklin.

O álbum também conta com Jeff Scott Soto, Lenny Castro, Chloe Lowery, Dave Eggar e Katie Kresek como convidados.

Hoekstra comandou todo o processo criativo, produção, composições e arranjos, com Chris Collier responsável pela mixagem do material.

"Há alguns anos eu lancei três álbuns solo que eram instrumentais. Com o Joel Hoekstra's 13 eu comecei a trabalhar em algo que mostra minha capacidade de produção, composição e também tocando o estilo que me fez conhecido, que é o melodic hard rock", disse o guitarrista.

O tracklist do álbum é o seguinte:

01 Finish Line
02 I'm Gonna Lose It
03 Hard To Say Goodbye (ouça aqui)
04 How Do You
05 Heart Attack
06 Fantasy
07 Lonely Days
08 Reach The Sky
09 Cried Enough For You
10 Take What's Mine
11 Running Games
12 Lay Down Your Love (Digital bonus track)

segunda-feira, 16 de novembro de 2020

OS RUMORES SOBRE A REUNIÃO DO VAN HALEN ERAM VERDADEIROS

O legendário Eddie Van Halen, circa 2015
Durante entrevista concedida hoje ao The Howard Stern Show, Wolfgang Van Halen revelou que seu pai, o grande Eddie Van Halen, estava considerando uma tour chamada "The Kitchen Sink Tour", com Sammy Hagar, David Lee Roth, Michael Anthony e Gary Cherone.

Infelizmente, os problemas de saúde de Eddie evitaram a coisa toda. "Se as coisas tivessem sido diferentes, teria sido maravilhoso", disse Wolfgang.

Ele ainda disse que seu pai deixou "uma montanha de fitas" de material inédito que "levará muito tempo para ouvir" e decidir se há algo que mereça ser lançado. "Essa não é a prioridade agora. Não posso colocar um prazo nisso. Chegará a hora em que ouviremos o material. Mas não em um futuro próximo", disse.

Wolfgang disse que partes do material inédito de seu pai são "ideias que provavelmente nunca foram lançadas por boas razões, mas tenho certeza que há coisas maravilhosas lá."

sábado, 14 de novembro de 2020

BILLY SHEEHAN FALA SOBRE O FUTURO DO MR. BIG

Eric Martin, Billy Sheehan, Paul Gilbert e
Pat Torpey: o poderoso Mr. Big, circa 2018

O baixista Billy Sheehan disse que não há nenhum plano em relação ao Mr. Big depois do falecimento do baterista Pat Torpey, ocorrido em Fevereiro de 2018 em decorrência de complicações do Mal de Parkinson.

Falando com o pessoal da FOX17 Rock & Review, Sheehan disse: "Fomos uma grande banda. Tivemos um sucesso incrível, especialmente em outros países, o que foi ótimo para nós, porque por volta de meados dos anos 90 o mundo tornou-se grunge - bem, os Estados Unidos e Europa se tornaram grunge, porque o resto do mundo não cedeu, então tínhamos shows lotados na América do Sul, Sudeste Asiático e outros lugares."

O baixista continuou: "Tivemos uma bela carreira. Ainda existimos como banda, mas como você sabe, perdemos nosso baterista e atualmente não temos planos para nada nesse momento. Vamos deixar a natureza seguir seu curso. Em algum momento, talvez façamos alguma coisa novamente. Não sabemos. Talvez eu e Paul, talvez eu e Eric, talvez Eric e Paul, talvez todos nós com um baterista diferente - pode ser qualquer coisa - mas não discutimos nada, estamos deixando as coisas acontecerem."

E falando em bateristas, Sheehan falou sobre Torpey: "Foi muito difícil para todos nós. Os quatro integrantes deveriam estar juntos para que o Mr. Big existisse. Mas agradecemos o apoio dos fãs. Ainda recebemos muitos e-mails diariamente em relação ao Mr. Big e nossas canções. Alguns e-mails incríveis de pessoas que... você começa a perceber como tocou a vida das pessoas ao redor do mundo."

sexta-feira, 13 de novembro de 2020

STEVE PERRY TRAZ NOVAS VERSÕES DO MATERIAL DE SEU MAIS RECENTE ÁLBUM

O legendário Steve Perry, circa 2018
Em 2018, Steve Perry  lançou "Traces", seu primeiro álbum em 25 anos. Os temas pessoais ressonaram com fãs e crítica em geral, ambos maravilhados por ouvir Perry novamente em ação e com um conjunto poderoso de canções..

Agora, "Traces (Alternative Versions & Sketches)", que chega às lojas em 04 de Dezembro próximo, traz versões alternativas de algumas canções, tirando a grandiosidade da produção e levando o material de volta à sua essência. Apresentadas em versões acústicas, canções como "Sun Shines Gray", "No Erasin'", "No More Cryin'" e "Most Of All" ganham ainda mais brilho. Os vocais têm destaque absoluto e as letras ganham ainda mais significado, soando mais intimista do que antes.

Produzido por Perry e seu amigo de longa data Thom Flowers, "Traces" (Alternative Versions & Sketches)" oferece um olhar fascinante ao processo criativo de Perry.

"Quando escrevi aquelas canções, a inspiração original sempre foi minha bússola - apontando para onde as canções deveriam ir. 'Alternate Versions & Sketches' é exatamente isso e estou muito animado para que todos ouçam as sementes originais daquelas canções", disse Perry.

O álbum tem o seguinte tracklist:

01 Most Of All (Radio Mix)
02 No Erasin’ (Acoustic)
03 I Need You (Acoustic)
04 No More Cryin’ (Acoustic)
05 Most Of All (Stripped)
06 We’re Still Here (Acoustic)
07 You Belong To Me (Stripped)
08 Sun Shines Gray (Acoustic)

Perry disse recentemente a Rolling Stone que tem estado ocupado criando novas canções desde que lançou, em Abril passado, sua versão para "In My Room", clássico dos Beach Boys.

"Eu tenho um estúdio e estou sempre escrevendo e sempre gravando material. Tenho muita música, muito material", disse Perry. 

quinta-feira, 12 de novembro de 2020

A VOLTA DO THUNDER

Os veteranos do Thunder, circa 2020
Os britânicos do Thunder voltarão ao cenário com "All The Right Noises", a ser lançado no dia 13 de Março de 2021. E para atiçar sua libido musical ouça o single "Last One Out Turn Off The Lights" clicando aqui.

"All The Right Noises" é o retorno do Thunder à sonoridade que os têm caracterizado ao longo dos últimos trinta e poucos anos, tendo sempre o excelente Danny Bowles na linha de frente, acompanhado pelo genial Luke Morley.

Sobre o álbum, Morley disse: "Todas as canções foram escritas e gravadas antes da pandemia. Mas é interessante como você olha para algumas canções através do prisma da Covid e elas continuam fazendo sentido."

O novo álbum estará disponível nos formatos CD simples, CD duplo (com bonus track), LP duplo, LP quádruplo (com bonus track) e sucederá o fantástico "Please Remain Seated", lançado em 2019 trazendo o seguinte tracklist:


01 Last One Out Turn Off The Lights
02 Destruction
03 The Smoking Gun
04 Going To Sin City
05 Don't Forget To Live Before You Die
06 I'll Be The One
07 Young Man
08 You're Gonna Be My Girl
09 St George's Day
10 Force Of Nature
11 She's A Millionairess

Vem chumbo grosso aí...

OBRIGADO

  Há algumas semanas a AORWatchTower voltou à ativa. Quem acompanha o blog sabe o que gerou o hiato em que nos encontrávamos. E acreditem, ...