terça-feira, 11 de junho de 2013

DEIXEM STEVE PERRY EM PAZ!!!

Steve Perry, em 2012
Uma das notícias mais marcantes da semana passada foi o depoimento dado pelo legendário Steve Perry ao site Fan Asylum, onde ele revela a perda da mulher com quem viva já havia um ano e meio, devido a um câncer.

Ainda mais impactante foi a revelação de que ele próprio lutava contra a doença. Um câncer de pele havia se revelado depois que ele retirou uma pinta do rosto. E com uma enorme cicatriz - por causa da cirurgia para a retirada das outras células cancerígenas - ele tirou uma foto com a grande Martha Quinn. Para quem não a conhece, Quinn foi uma das mais importantes VJ's da MTV norte-americana, tendo feito parte do time original de profissionais que trabalharam naquele canal.

Mas o que me impressionou foi a reação de um sem número de fãs de Perry. Uma choradeira desatada, como se o eterno vocalista do Journey tivesse morrido. Ele não morreu... pelo menos, ainda não. Continua vivo em sua casa na Califórnia, morando com seus trocentos gatos e ainda faturando muito dinheiro com o direito autoral dos grandes clássicos que compôs com Neal Schon e Jonathan Cain.

Li muitos comentários sobre a falta que Perry faria, sobre as mais mirabolantes possibilidades de um retorno ao cenário musical, sobre como ele tocou o coração das pessoas com suas canções, blábláblá...

Como faria Jack, o Estripador: vamos por partes:

1. Perry já faz falta desde 1996. Quando seu breve retorno ao Journey nos brindou com o excelente "Trial By Fire", acredito que todo fã da banda comemorou fervorosamente o retorno do grande vocalista à banda. Infelizmente, a festa pouco durou e hoje só nos resta a saudade mesmo;

2. Perry não gravará mais. Já passou da hora de nos convencermos disso. Ele teve milhares de oportunidades para fazer seu retorno ao cenário musical, e em grande estilo, mas simplesmente não quer, e fim de papo. Acho tremendamente chato o recorrente tema que diz que ele "vai gravar um novo álbum", ou que "ele já está gravando um novo trabalho". Esses rumores chatos rolam há anos e é incrível como ainda há pessoas que acreditam nele. Steve Perry não vai mais gravar!!! Isso não vai acontecer, e parece o lamento aborrecido da amante que acredita que o cara com quem sai vai largar a mulher para ficar com ela;

O excelente "Trial By Fire", lançado em 22 de Novembro de 1996
3. Steve Perry não vai voltar ao Journey. Nunca. As diferenças entre ele e Neal Schon nunca foram esquecidas, e depois que Schon não quis esperar pela recuperação de Perry para iniciar a tour promocional de "Trial By Fire", a situação só piorou;

4. Finalmente, se realmente Perry fosse vitimado pela doença (o que não aconteceu, mas o chororô desatado na internet passava outra idéia), o que perderíamos? Com todo o respeito de que Perry é merecedor, o que perderíamos seria um EX-vocalista. Me parece que seria mais difícil - para muitos - aceitar o fato que, com sua morte, Perry não voltaria mais ao Journey. Ele não lança nada desde 1996 e com quase duas décadas passadas é muita ingenuidade pensar que, de repente, Perry faria um retorno triunfal.

A partir daqui, eu me tornaria redundante e voltaria ao item #1. E digo isso tudo como fã declarado do Journey e também do legendário Steve Perry, mas o resto do meu bom senso me impede de acreditar nessa conversa fiada de que ele voltará a gravar, seja como artista solo, seja como vocalista de uma banda ou projeto qualquer.

Ele simplesmente não quer mais se envolver com isso, e não entendo porque tanta gente não aceita esse fato. Perry não tem obrigação nenhuma com ninguém. Integrou uma das maiores - senão a maior - banda de AOR da história, e desempenhou sua função com extrema competência. Depois, se lançou em uma breve, porém excelente, carreira solo. Deixou um legado invejável, como compositor e intérprete. E por mais que eu próprio quisesse - e muito - ouvir material novo, estou convencido há anos que isso não vai acontecer.

Portanto, deixem Steve Perry em paz. E agora vou buscar meu "Trial By Fire" para embalar o meu almoço.

11 comentários:

tlisto disse...

Concordo plenamente com você! Ele deveria mesmo voltar à gravar!

Unknown disse...

Concordo que seria bem mais impactante receber a notícia durante a tour do Trial By Fire porque o músico, o the voice, o compositor, o artista completo perdemos hà tempos, uma vez que ele não tem contribuído com mais nada e nem precisa, já fez muito mais que qualquer outro na ativa. Claro, estamos torcendo para que ele fique bem, assim como o Vivian Campbell e todos que estão enfrentando esta doença maldita.

Leonardo disse...

onde assino?

Leonardo disse...

onde assino?

Heri disse...

Realmente, não vejo um retorno dele a anos e não espero mais isso, ele ja deixou o seu legado, ja faz parte da história e o que posso desejar a Perry é sua melhora de saude e mesmo sem sua presença no Journey suas contribuições jamais serão esquecidas.

Unknown disse...

QUANDO ELE FAZIA SUCESSO,EU NEM EXISTIA,MAS HA ALGUMAS SEMANAS O QUE MAIS TENHO FEITO É OUVIR AS MUSICAS DELE,TENHO VISTO FOTOS,VIDEOS,COMENTARIOS SOBRE ELE,E ACHO QUE ELE TEVE O MOMENTO DELE,ASSIM COMO MICHAEL JACKSON,FREDDIE MERCURY E TANTOS OUTROS ASTROS . GOSTARIA DE TER VIVIDO NESSA ÉPOCA,TER CONHECIDO O TALENTO DELE ANTES,MAS MESMO QUE ELE NÃO CANTE MAIS HJ EM DIA,AINDA SIM OS MEUS DIAS SÃO MAIS FELIZES POR OUVI-LO E AGRADEÇO A DEUS POR ELE ESTAR VIVO,ELE CONTINUA SENDO MERECEDOR DE MUITOS ELOGIOS,AFINAL ELE FOI D+

Unknown disse...

Eu fiquei encantanda com ele no clip da Africa. Procurei saber quem era e qdo ouvi: When you love a woman... Aff me apaixonei de vez. O sentimento que ele passa na música, é feito de coração.
Viciei e consigo parar de ouvir agora. Obrigada só isso que tenho a dizer.. Nasci na época errada! Ah, lamento ele não ter gravado mais com o Bon jovi! <3

Unknown disse...

Vai ter que apagar o textinho!! Kkkk

Juba.San disse...

Porque apagaria???

Escrito há cinco anos, não mudaria uma vírgula desse texto.

O retorno de Steve Perry é motivo de comemoração e agradeço aos deuses pela decisão em retomar a carreira.

Perry declarou, por várias vezes, que não voltaria ao cenário musical depois da morte de Kelly Nash. Curiosamente, foi uma promessa feita à ela que o trouxe de volta.

E você acha que essa mudança seria motivo para eu "apagar o textinho"???

Hahahahahahaha...

Maria da graça silva disse...

Respeito sua decisão,de não querer mais cantar,torço por sua saúde e felicidades,seja feliz Steve,vou guardar seus disco e fotos em meu coração obrigada por ter embalado a minha juventude e minha maturidade com seus hist maravilhoso,saúde Steve vou sentir saudades, mais vc estará pra sempre em meu coração e na minha vida, bjs

Maria da graça silva disse...

Steve,volta atenda o pedido da sua falecida esposa. Obrigada

Postar um comentário

TRIBUTO A EDDIE MONEY SERÁ TRANSMITIDO NA TV AMERICANA

O grande Eddie Money, circa 2019 No dia 22 de Março, a AXS TV exibirá o "Eddie Money Tribute Concert" , que aconteceu no dia ...