sexta-feira, 3 de julho de 2015

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Quando se fala na Irlanda, pensamos sempre nos mesmos nomes que figuram no universo dos bons sons. Entretanto, lá também há aquelas bandas/artistas que mereciam muito mais destaque do que efetivamente tiveram e o No Sweat se encaixa perfeitamente nessa infeliz categoria. Com um AOR muito bem trabalhado e contando com a produção do veterano Keith Olsen (além de Joe Elliott em uma canção) a banda se lançou no mercado no final da década de 80 e, apesar de desfrutar de certo sucesso com seus singles, a No Sweat passou praticamente despercebida pelo grande público. Um tremendo prejuízo para quem não estava prestando atenção...

O álbum é repleto de rockers excelentes, como "Heart And Soul" (assista ao vídeo aqui), "Shake", "On The Edge", "Stranger" e "Mover", todas com um irresistível apelo radio friendly composto pelos mesmos elementos: guitarras predominantes, mas sempre acompanhadas por teclados ocasionais (mas precisos) em arranjos bem construídos. A presença de refrões explosivos e backing vocals muito bem distribuídos é mais que evidente, e esse conjunto de qualidades me faz ranquear todas as canções mencionadas como grandes destaques do álbum, sendo merecedoras do tradicional volume máximo, audições múltiplas e janelas abertas, se possível for.

Ainda como destaques, tenho que citar os rockers "Waters Flow" (um dos melhores arranjos do álbum e backing vocals matadores), a empolgante "Tear Down The Walls" (que me lembra muito as estruturas melódicas do Thunder), "Generation" e "Lean On Me", canções que alternam arranjos mais intrincados com outros bastante despojados, mas executados com perfeição e interpretados de maneira irretocável. Múltiplas audições são recomendadas.

No Sweat: Smith, Angel, Gooding, Quinn, Fean e Phillips
"Stay" é a única balada do álbum, e apesar de não ser uma canção a ser ignorada, ela não acrescenta nada ao resultado final, apesar de ser bacana, mas não vai além disso. Entretanto, recomendo algumas audições. Pode acabar lhe agradando.

Em resumo, nibelungas e nibelungos, o No Sweat pode ser uma bela surpresa se você deixou o álbum dos caras passar por você em 1990. Com um tracklist repleto de canções fortes e interpretações marcantes, é uma vergonha que a banda tenha sido ignorada, mas acredito que o álbum não seja tão difícil de ser encontrado hoje em dia. Enfim, seja como for, se você tiver a sorte de cruzar com esse trabalho, não perca a oportunidade de adicioná-lo a sua coleção. O investimento vale cada miserável centavo, pode acreditar...

NO SWEAT - No Sweat
Relased in 1990 via London Recordings (Japanese Pressing)
Cat. #POCD-1030

Tracklist
01 Heart And Soul
02 Shake
03 Stay
04 On The Edge
05 Waters Flow
06 Tear Down The Walls
07 Generation
08 Lean On Me
09 Stranger
10 Mover

Lineup
Paul Quinn: vocals
Jim Phillips: guitars, vocals
Dave Gooding: guitars, vocals
Jon E. Angel: bass
Ray Fean: drums
P.J. Smith: keyboards, vocals

Guest Musicians
Tim Pierce: additional guitars on "Heart And Soul" and "Stay"
Johnnie Edwards: slide guitar on "Mover"
James Kottak: drums
Jimmy Crichton: keyboard programming
Michael Sadler: additional backing vocals
Claudia Fontaine: additional backing vocals on "Waters Flow"
Shelley Buckspan: additional backing vocals  on "Waters Flow"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Existem várias bandas por aí que buscam emular os excelentes sons do Toto , mas poucas conseguem resultados satisfatórios, ainda mais qua...