sexta-feira, 29 de julho de 2016

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Os suecos do Cruzh surgiram no universo dos bons sons em 2013 com o single "In The Blink Of An Eye" e sem mostrar seus rostos, fato que seria mudado no segundo semestre daquele ano, quando o E.P. "Hard To Get" foi lançado. A sonoridade do trio - absolutamente 80's e com amplo destaque aos backing vocals - chamou imediatamente a atenção dos apreciadores da fina arte dos bons sons e a ansiedade por um álbum da banda se tornou maior. 

E já em 2015, enquanto se preparavam para lançar outro E.P., o Cruzh foi abordado pelos italianos da Frontiers Records com um contrato. Finalmente, o tão aguardado álbum seria uma realidade. E no final de Agosto o trabalho de estréia da banda chegará às lojas confirmando o que nos foi mostrado previamente nos E.P.'s: canções com arranjos grudentos, refrões arrasadores e backing vocals sempre na linha de frente, como  se fazia na hoje distante década de 80. Com canções muito bacanas, um ótimo vocalista e uma grande gravadora na retaguarda, o plano dos suecos não tinha como dar errado...

O álbum é repleto de radio friendly AOR rockers, daqueles que ecoam na cabeça por dias, como podemos atestar nas contagiantes "In N' Out Of Love", "First Cruzh" (assista ao vídeo aqui), "Aim For The Head" e "Survive". Todas essas canções tem estruturas melódicas semelhantes e, assim sendo, se curtir uma, certamente curtirá as outras. E não digo isso como demérito, mas apenas aponto uma característica comum entre as canções. Ainda, vale lembrar que todas elas têm refrões absolutamente explosivos e backing vocals envolventes, fatores que servem de base para apontá-las todas como sendo destaques do álbum.

Mas ainda tem mais!!! Há que se mencionar as ótimas "Hard To Get", "You", "Set Me Free" e a frenética e excelente "Before I Walk Alone" (outro grande destaque do álbum), todos rockers merecedores de sua total atenção, sempre com volume máximo e nenhuma moderação.

O álbum também conta com momentos mais introspectivos com as baladas "Anything For You", "Straight From My Heart" e o mid-pacer "Stay", ambas destaques desse trabalho.

Cruzh, circa 2016: Joensson, Andersson e Borg
Em resumo, caríssimas e caríssimos, o álbum de estréia do Cruzh parece ter um público bastante definido e esse público é o pessoal que, assim como eu,  curte desavergonhadamente a sonoridade centrada na década de 80. Não tenho dúvidas que "Cruzh" deve satisfazer a curiosidade desse público, mas tenho minhas dúvidas em relação a outros grupos. A produção é bem acertada, mesmo soando exagerada em alguns momentos, mas acredito ser melhor pelo excesso do que pela falta. Ainda, a banda cumpre seu papel dentro da proposta que oferece e isso já é motivo para comemoração. Em recente transmissão do Melodicast, eu disse que esse álbum soa "como o aspecto mais pop do Find Me e o que de mais pop o Def Leppard produziu na época do 'Adrenalize'", e reafirmo essa declaração. Esse álbum não vai mudar a vida de ninguém (mas algum álbum já fez isso???), mas seu você ouvi-lo sem compromisso, tenha certeza de que "Cruzh" vai soar como uma bela surpresa, mesmo deixando a impressão de que você já ouviu isso em algum lugar...

CRUZH - Cruzh
To be released on Aug. 26th, via Frontiers Records
Cat. # FR CD 747

Tracklist
01 In N' Out Of Love
02 First Cruzh
03 Aim For The Head
04 Anything For You
05 Survive
06 Stay
07 Hard To Get
08 You
09 Set Me Free
10 Before I Walk Alone
11 Straight From My Heart

Lineup
Tony Andersson: vocals, keyboards
Dennis Butabi Borg: bass
Anton Joensson: guitars, backing vocals

Guest Musicians
Louisian Boltner: drums
Erik Wiss: piano on "Anyhting For You" and intro on "In N' Out Of Love"
Martin Johansson: backing vocals on "Anyhting For You"
Patrick Norén: backing vocals on "Aim For The Head"
Mattias Silfver: backing vocals on all tracks

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO

Caríssimas e caríssimos Hoje me dirijo à São Paulo para o show dos irlandeses do U2. Com isso, a Recomendação Da Semana não será...