sexta-feira, 16 de agosto de 2013

SPARKLANDS MOSTRA QUE HOLANDESES SABEM FAZER AOR

Sparklands é uma boa surpresa vinda da Holanda
Os irmãos Robert Riekerk e Thomas Riekerk não são novatos no universo AOR. Ambos trabalharam por muito tempo com Ralph Van Manen, um dos artistas holandeses mais conhecidos fora daquele país. Inclusive, ambos figuram entre os colaboradores de Manen em "Face The Feeling", lançado em 1992 e apontado por seus fãs como seu melhor álbum.

Tendo o AOR como trilha sonora ao longo de sua infância, os irmãos Riekerk cresceram ouvindo bandas como Toto e Foreigner. Mais tarde, Bad English e Giant passaram a ser ouvidos na casa e todas essas bandas são apontadas como influências na criação das canções de "Tomocyclus", primeiro álbum da Sparklands e que chegará às lojas em 20 de Setembro, via Avenue Of Allies.

As canções revolvem ao redor do AOR tradicional mas com tratamento mais contemporâneo, conforme se pode verificar no vídeo promocional para a ótima "The Game". Mas não espere um trabalho horizontal. Muitas nuances são facilmente percebidas ao longo das 14 canções que compõe o tracklist, com muito bom gosto nos arranjos.

"Tomocyclus" tem as seguintes canções em seu tracklist:

01 The Game
02 Skyline
03 Joanne
04 Oasis
05 Shattered Dream
06 Afterlife
07 State Of Mind
08 The Feeling Is Gone
09 Sparklands (Instrumental)
10 Let Sparks Fly
11 Lost In Space And Time
12 Let It Out
13 Open Your Eyes
14 Tomcyclus

Fique de olho nesse álbum...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...