terça-feira, 13 de agosto de 2013

VOCÊ LEMBRA DO MOSCOW MUSIC PEACE FESTIVAL?!?!?!?

Poster do festival que agitou Moscou em 1989
Nos dias 12 e 13 de 1989, a capital da então União Soviética presenciou um evento sem precedentes até então: um festival de rock com algumas das maiores bandas daquela época

Graças à Glasnost promovida pelo então presidente Mikhail Gorbachev, o festival reuniu Bon Jovi, Mötley Crüe, Skid Row, Cinderella e Scorpions, além das russas Gorky Park, Brigada-S e Nuance.

Para as bandas ocidentais, foi uma oportunidade única de mostrarem seus trabalhos em um mercado absolutamente fechado até então. Para os jovens russos, foi a realização de um sonho poder ver todas aquelas bandas tocando em seu país.

Mas o que pouca gente sabe é que a origem dessa festa toda foi bem menos gloriosa. O veterano Doc McGhee era o manager de algumas daquelas bandas, mas foi que supervisionou todos os aspectos do evento para cada uma delas com a sua Make A Difference Foundation. E essa festa toda foi rotulada de "serviço comunitário". Não é brincadeira.

E isso aconteceu porque um ano antes, McGhee foi condenado por tráfico de drogas. Para evitar a jaula onde sera jogado, ele criou a fundação para levar mensagens anti-drogas aos jovens em eventos como o festival que aconteceu em Moscou.

O curioso é que todas as bandas que se apresentaram atrás da cortina de ferro estavam chapadaças. Quem já assistiu ao show (facilmente encontrado nos torrents) sabe do que estou falando.

A festa foi muito bacana para os russos, mas não para McGhee. As reclamações das bandas abrangiam todos os possíveis aspectos que um evento daquela magnitude possa gerar. Tão verdade que Bon Jovi e Mötley Crüe demitiram McGhee do posto de manager.

A festa não foi tão boa prá todo mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...