terça-feira, 15 de maio de 2012

JOHN NORUM DETONA A DÉCADA DE 80

O guitarrista John Norum (foto) foi recentemente entrevista pela Rock One francesa, e quando perguntado sobre para qual época gostaria de voltar, se pudesse, ele falou sobre a época em que o Europe se reuniu (em 2004).

Norum disse: "Bem, agora é o melhor momento que temos como banda. Nos damos bem, nos divertimos muito gravando álbuns, fazendo tours, tocando nos shows. Mas se eu tivesse que escolher um momento diferente do atual, eu escolheria o período em que o álbum 'Start From The Dark' foi lançado, quando começamos a coisa toda de reunião... 2004 foi um grande ano para o Europe. E 2005. E 2006. E 2007. E até agora tem sido muito bom".

Mas em seguida, Norum detonou a década de 80, período em que o a banda não só foi formado, mas onde obteve maior sucesso

O guitarrista disse que "a década de 80 foi o pior momento de todos. Foi horrível. Toda a coisa da imagem era nojenta. Nos tornamos uma bandinha para adolescentes, descartável e eu não queria nada com aquilo. Não sou fã da música feita na década de 80".

E continuou: "Eu posso, talvez, citar uma ou duas bandas que ouço da década de 80. Quando os anos 80 acabaram e começaram os 90, eu fiquei muito feliz. O Poison havia acabado, Cinderella, Warrant... toda aquela coisa tinha acabado. E eu dizia 'Oh, finalmente acabou. Todo aquele lixo'. As produções eram ruins, os álbuns soavam mal, as canções eram bregas. Mas haviam umas poucas bandas boas. O Guns N' Roses eram bons. Haviam lançado seu primeiro álbum em 87, eu acho. E o Van Halen também gravou bons álbuns nos anos 80. O AC/DC também gravou bons álbuns nos anos 80. Mas eles eram diferentes, não eram bandas de glam-rock. Eles tinham mais classe, eram músicos melhores, tocavam melhor".

2 comentários:

Alexposed disse...

Eu realmente acho que quando um cara que fez álbuns e músicas nos anos 80 e ganhava grana com isso, agora vir e meter o pau na época, deveria DEVOLVER a grana dos fãs, pq o cara mentiu todo esse tempo ? oras, o europe pra mim acabou com o último álbum deles que pra mim é o excelente Prisoner in Paradise, o que vem depois, e o que o norum diz que é bom, pra mim é lixo...ele deveria ter vergonha dos sons que ele faz hoje...não a toa, sempre curti muito mais o Kee Marcelo.

Mike Oliva disse...

Eu entendo que ele tem TODO o direito de não curtir determinada fase de sua carreira. Muitos músicos amadurecem com o tempo, e com esse amadurecimento surgem mudanças significativas. Isso não o torna melhor ou pior do que as outras pessoas. Devolver o dinheiro dos fãs? Não concordo! Provavelmente ele curtia o que fazia durante o período, mas não tem obrigação de continuar gostando. E, como eu não me prendo a esteriótipos ou períodos, consigo curtir tanto a fase dita "clássica" como a atual do Europe. E vou além: atualmente eu costumo ouvir mais os três últimos álbuns da banda. E sou feliz assim!

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...