quinta-feira, 15 de novembro de 2012

JOEY KRAMER EXPLICA A RAZÃO DA LONGEVIDADE DO AEROSMITH

Em recente entrevista concedida à Mark O'Shaughnessy - da Bravewords - o baterista Joey Kramer (foto) falou extensivamente sobre  "Music From Another Dimernsion", o mais recente trabalho do Aerosmith, que chegou às lojas no último dia 06.

Entre as várias perguntas feitas ao músico, uma delas falava sobre o sucesso da tour que a banda está fazendo pelos Estados Unidos.

O jornalista perguntou à Kramer como ele se sentia ao ler reviews sobre a tour que dizem coisas como "o Aerosmith sempre conseguiu se reinventar para o público sem perder sua musicalidade inerente. A banda permaneceu fiel a suas forças criativas, e é por isso que, 42 anos depois, ainda conseguem lotar arenas!".

O baterista respondeu: "Me sinto muito bem! Tentando não soar egocêntrico, eu sei que isso é verdade. E mesmo que eu concorde, sou nosso pior crítico. Mas ainda somos os cinco maiores fãs da banda e somos bastante críticos a respeito de nosso trabalho, sempre buscando maneiras de fazê-lo melhor. Tenho orgulho do que estamos fazendo atualmente porque, de uma certa maneira, nos reinventamnos outra vez. Nós suportamos o teste mais rígido que há, que é o teste do tempo".

Concordo que é absolutamente indiscutível que o Aerosmith sobreviveu à modismos, tendências e à seus próprios excessos. Enretanto, eu esperava mais de "Music From Another Dimension". Não digo que o álbum é ruim, mas não vejo razão para tanto confete. A produção é excelente, mas as canções não tem a força de momentos anteriores na carreira da banda.

Não é saudosismo, apenas a constatação de um fato. Pessoalmente falando

Agora, sejamos justos: em comparação com o tenebroso "Just Push Play" e do mediano "Honkin' On Bobo", o novo álbum do Aerosmith mostrou que a banda está no caminho certo para reencontrar seus melhores sons. E, por isso, já aguardo ansiosamente o próximo álbum dos tiozões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...