sexta-feira, 4 de julho de 2014

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Fran Cosmo e Bruce Smith já eram nomes familiares aos entusiastas do AOR desde o início da década de 80, quando as quatro demos apresentadas aqui surgiram. Elas foram gravadas após a separação do Orion The Hunter, banda em que ambos figuravam com destaque. Há pouquíssimos detalhes acerca do material, mas em conversa com o próprio Fran Cosmo, ele revelou: "Essas canções eram meramente demos que pensávamos serem boas o suficiente para o segundo álbum do Orion The Hunter. Mas a banda acabou antes e Bruce e eu nunca havíamos mostrado esse material à ninguém".

O que se pode verificar ser nenhum esforço é que as canções são AOR da melhor qualidade, com interpretações e musicalidade brilhantes. Além disso, a qualidade das gravações é ótima e isso torna esse material ainda mais atrativo.

A arrepiante "Highway In Your Eyes" é um AOR que segue a cartilha do estilo: melodia envolvente, arranjo que coloca guitarras e teclados em evidência, refrão explosivo e vocais poderosos. Com todos esses requisitos preenchidos, basta relaxar e ouvir Mr. Cosmo soltar a voz ao longo dos versos caprichadamente construídos, passando com facilidade pelas b-sections que preparam o ouvinte para ser atingido por um refrão arrasador. As guitarras de Mr.Smith se destacam dentro o conjunto, sempre bem postadas e surgindo nos momentos e dose certas. Essa é uma daquelas canções que merecem múltiplas audições, volume máximo e janelas abertas!!!

Outra pancada atende pelo nome de "Sad Affair", excelente radio friendly AOR que, por algum motivo, me lembra Unruly Child. Seja como for, o andamento aqui é mais cadenciado. Já o arranjo dá mais destaque aos teclados, bastante evidentes ao longo dos versos e no refrão. As guitarras marcam presença de maneira mais discreta, mas o suficiente para se fazerem notadas. No quesito vocal, não há muito o que dizer, já que Mr. Cosmo é preciso como sempre. Outra bela canção que merece sua atenção e as já tradicionais audições múltiplas.

O excelente mid-pacer "You're The One" já apresenta os teclados logo na introdução e os mantém em destaque até o refrão, onde as guitarras se revelam de maneira mais contundente. Com andamento e métrica tradicionais (assim como as b-sections), o grande destaque fica, mais uma vez, com os poderosos vocais de Mr. Cosmo que brilham dentro do conjunto. Outra ótima canção que merece sua total atenção.

Finalmente, "Is It Love?" retoma o equilíbrio entre guitarras e teclados de maneira perfeita. Me agrada demais o andamento, marcado pelo baixo pulsante e o acompanhamento da bateria. Tudo muito simples, mas de extremo bom gosto. A melodia é envolvente e cativante. O arranjo, despido de grandes truques, deixa evidente a qualidade dos músicos e a riqueza da canção em si, que impressiona em sua simplicidade. E como não poderia deixar de ser, Mr. Cosmo simplesmente acerta em cheio... mais uma vez.

Em resumo, caríssimas e caríssimos, essas demos de Fran Cosmo  e Bruce Smith são uma verdadeira aula do bom e velho AOR da década de 80. Mesmo passados quase 30 anos desde sua gravação, esse conjunto de canções se sobrepõe a muita coisa lançada recentemente e mostra que qualidade é indiferente ao implacável teste do tempo. E deixo aqui um agradecimento público ao grande Fran Cosmo pelas informações acerca dos músicos envolvidos nas gravações. Nossa conversa acerca desse material ainda vai se estender um pouco mais na próxima semana e, em breve, estará aqui na casa.

FRAN COSMO & BRUCE SMITH - Highway In Your Eyes: The Lost Demos
Bootleg recorded sometime in 1985
No catalogue number

Tracklist
01 Highway In Your Eyes
02 Sad Affair
03 You're The One
04 Is It Love?

Lineup
Fran Cosmo: vocals, backing vocals, guitars
Bruce Smith: guitars, bass, keyboards, backing vocals
Bruce Kulick: guitars
John Schuler: drum programming

Um comentário:

Camelblue disse...

Nice to read this my friend.
Cheers

Postar um comentário

STEPHEN PEARCY DIZ QUE O NOVO ÁLBUM DO RATT SERÁ "MUITO DIFERENTE" DE SEU ANTECESSOR

O veterano Stephen Pearcy, circa 2017 E o antecessor foi "Infestation" , de 2010. Nesse meio tempo, vale lembrar a briga judi...