quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

MAIS RECENTE ÁLBUM DO BOSTON É LANÇADO EM VINIL, MAS TOM SCHOLZ NÃO APROVA

O veterano Tom Scholz, criador do Boston
Em 2013, o Boston teve a cara de pau de lançar o indecente "Life, Love, Hope", pela Frontiers Records. Ok, minha opinião sobre o trabalho já ficou bastante clara, mas muita gente acabou curtindo... aquilo.

E nos últimos anos, tornou-se prática lançar álbuns em vinil, o que é bem bacana, diga-se de passagem. Mas quando o assunto é o mais recente álbum do Boston, o irritante Tom Scholz tem outra opinião

Tudo porque ele já havia rejeitado a mixagem do vinil, mas ainda assim, o álbum foi lançado naquele formato. Em uma postagem em sua página no Facebook, ele descreve o produto como "uma master inaceitável em vinil".

Ocupado com a atual tour da banda, Scholz revela que foi em meados de 2014 que ele ouviu a master do vinil e recusou, alegando uma série de problemas, como "clicks" e "quedas de som" entre várias faixas.

Entretanto, o álbum foi lançado assim mesmo.

"Imagine a minha surpresa quando fui avisado de que, apesar de ter rejeitado a edição de teste, os álbuns haviam sido estampados e entregues à uma companhia que mantém contrato com a nossa gravadora", escreveu Scholz.

O criador do Boston encerrou sua postagem dizendo: "Enquanto tenho sido feliz, e ainda estou muito feliz com a nossa atual gravadora, que que os fãs do Boston saibam que essa reprodução em vinil de 'Life, Love. Hope' não atinge meu padrão de qualidade como produtor".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Existem várias bandas por aí que buscam emular os excelentes sons do Toto , mas poucas conseguem resultados satisfatórios, ainda mais qua...