sexta-feira, 21 de outubro de 2016

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Em 2009, o veterano Terry Brock conheceu o excelente guitarrista John Roth enquanto gravavam "Promise Land", álbum do Giant que não era Giant. A amizade mútua e a sincronia musical foram as responsáveis pelo surgimento do Roth Brock Project, empreitada que surge como uma das boas surpresas do ano. O talento de Roth já o fez tocar com Winger e, atualmente, com Starship, enquanto Brock é uma das mais reconhecidas e respeitadas vozes do universo AOR, tendo como referência seus espetaculares álbuns com Strangeways. Com tanta qualidade reunida no mesmo trabalho, o resultado só poderia ser acima da média.

Com a sonoridade absolutamente centrada no duo voz/guitarras, o álbum oferece uma boa gama de rockers arrasadores, onde destaco "Young Gun", "What's It To Ya", a radio friendly "Young Again" e "If That's What It Takes" (essas duas sendo destaques do álbum) logo de cara. Apesar de contarem com o mesmo foco, cada canção é bastante diferente da seguinte e todas mostram, principalmente, a versatilidade de Terry Brock. Volume máximo ao longo de todas...

Ainda há que se aplaudir o matador mid-pacer "I Don't Know Why" (outro destaque do álbum e que remete aos melhores momentos do Strangeways) e também os rockers "We Are" e a espetacular radio friendly "My City" (outro destaque do álbum com teclados na medida certa), todas merecedoras de sua total e irrestrita atenção e daquela tradicional falta de moderação na hora de ouvi-las.

John Roth e Terry Brock
Ainda, merece constar aqui "Never Givin' Up", uma balada envolvente e muto bem construída, e que soa muito superior a "Distant Voices", na minha modesta opinião. Enfim, ouçam ambas cuidadosamente e tirem suas próprias conclusões.

Em resumo, caríssimas e caríssimos, o primeiro trabalho do Roth Brock Project se destaca de muita coisa que vem sendo lançada por um detalhe crucial: a sonoridade é quase que totalmente orgânica. Ainda,a  mixagem é bastante equilibrada e faz com que todos os instrumentos e vozes ocupem apenas o seu devido lugar. Musicalmente, os áudios que se encontram no Youtube dão uma clara ideia do que vem por aí e mostra que esse projeto ainda tem o que oferecer em outros trabalhos. 

Não espere nada semelhante ao AOR pomposo do Giant e muito menos do Strangeways, já que esse álbum soa muito mais como o primeiro trabalho solo de Terry Brock, versão 2016. Uma bela surpresa que merece sua atenção e também um lugar na sua coleção...

ROTH BROCK PROJECT - Roth Brock Project
To be released on Nov. 04th, via Frontiers Records
Cat. #FR CD 761

Tracklist
01 Young Gun
02 What's It To Ya?
03 Young Again
04 If That's What It Takes
05 I Don't Know Why
06 Distant Voices
07 We Are
08 Fighter
09 My City
10 Never Givin' Up
11 Reason To Believe

Lineup
Terry Brock: lead and backing vocals
John Roth: lead and backing vocals, guitars, bass, keyboards
Scott Trammell: drums, percussion

Guest musicians
Kary Baddour: piano on "Distant Voices"
Phin Bennet: keyboards on "Never Givin' Up"
Jeff Adams: backing vocals on "We Are"
Kory Myers: backing vocals on "We Are"
Jimmy Fulp: drums on "Fighter"

Um comentário:

Rafael disse...

Pô isso promete!

Postar um comentário

O IMPRESSIONANTE BOXSET DE "1987", CLÁSSICO DO WHITESNAKE

Grande clássico do Whitesnake ganha edição caprichada  para  comemorar seu  30º aniversário Lançado em 04 de Abril de 1987, o álbum ...