sexta-feira, 17 de agosto de 2018

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

O norte-americano Jude Cole - na ativa desde 1979 como músico de estúdio e compositor de aluguel - foi um dos mais reconhecidos nomes do cenário AC Rock entre 1986 e 1992, período em que despontou em algumas trilhas sonoras e, assim que chamou a atenção dos executivos, conseguiu contrato e se lançou no mercado. Dono de um vocal suave e compositor de mão cheia, Cole promoveu seu segundo álbum com "Baby, It's Tonight", single que registrou, de maneira exata, a sonoridade que caracteriza todo o trabalho de Jude Cole.

A excelente "Baby, It's Tonight" é um radio friendly rocker envolvente, com introdução e versos delicados e envolventes, mas as b-sections crescentes começam a revelar a face rocker de uma das melhores canções da carreira de Cole. Backing vocals muito bem colocados reforçam o refrão grudento com propriedade e agregam mais qualidade a algo que já era muito bom. Uma belíssima canção que merece sua irrestrita atenção e múltiplas audições com volume máximo.

"Heart Of Blues" - retirada do mesmo segundo trabalho de Cole - tem o formato blues na composição, mas a execução é bem mais dinâmica e inclinada ao rock. A introdução com guitarra e voz pontuada pelo baixo é envolvente e aos poucos conduz o ouvinte a um rocker elaborado e pegajoso, onde as guitarras - acústicas e elétricas - têm todo o destaque, mesmo sendo precisamente cercadas pelos outros instrumentos e pelas camadas de vocais. Uma grande canção que não apenas exala qualidade, mas que também revela a versatilidade de Cole como compositor e intérprete. Volume máximo e múltiplas audições são recomendadas, uma vez mais.

Finalmente, "Like Lovers Do" é um rocker mais direto e com sonoridade mais crua. Com uma direção musical diferente das anteriores, essa canção - lançada em 1987 - registrou Cole enquanto disputava seu lugar dentro do mercado e a aura 80's aqui presente não é mera coincidência, mas sim o retrato de uma época em que o pop rock apresentava não apenas diversas opções, mas também muita qualidade. Uma dose comedida de bons sons e que serve de cartão de visitas de como Cole começou a abrir seu caminho no cenário AC Rock do fim da década de 80.

Jude Cole, circa 1990
Em resumo, caríssimas e caríssimos, se você curte o segmento AC Rock da segunda metade dos anos 80 até o início dos 90 , especificamente, Jude Cole é um nome que merece sua atenção. Com arranjos bem trabalhados e interpretações marcantes, Cole deixou sua marca e se tornou sinônimo de qualidade, lançando álbuns até 2000. Ele se afastou do mercado por mais de uma década, retomando a carreira em 2013. Seu trabalho mais recente é um excelente E.P. lançado em Dezembro passado, mas não há como admirar suas novas investidas sem lembrar do material que sustenta seu bom nome. Assim sendo, "Baby, It's Tonight" é não apenas um excelente single, mas uma ótima introdução ao trabalho de grande intérprete e compositor que, como muita gente, deveria ter tido muito mais reconhecimento do que efetivamente teve. Material mais que recomendado....

JUDE COLE - Baby, It's Tonight CDS
Released in 1990 via Reprise Records
Cat. #7599-21565-2

Tracklist
01 Baby, It's Tonight (assista ao vídeo aqui)
02 Heart Of Blues
03 Like Lovers Do (assista ao vídeo aqui)

Musicians
Jude Cole: vocals, guitars, bass
David Tyson: keyboards, piano, organ, drum programming
Tim Pierce: guitars
Pat Mastelotto: drums, percussion
Mickey Curry: drums
Lee Sklar: bass
Jeff Bova: keyboards

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...