quinta-feira, 23 de agosto de 2018

O QUE ESPERAR DO NOVO ÁLBUM DE STEVE PERRY?

Novo álbum de Steve Perry pode não ser exatamente
o que você estava esperando
Com vários comentários vindo de todos os cantos do planeta, já há uma boa ideia do que Steve Perry fez em "Traces", sem dúvida o álbum mais aguardado do ano.

O simples fato de Perry retomar a carreira é motivo de celebração, mas o conteúdo de seu álbum já gera discussões em fóruns mundo afora e, confesso, me causa certo receio.

Isso se dá ao fato de que, de todas as 10 canções do tracklist da versão padrão do álbum, apenas duas não são baladas.

Pois é, apenas "No Erasin'" e "Sun Shines Gray" apresentam arranjos mais dinâmicos, enquanto todas as outras oito canções são baladas com arranjos que variam pouco entre si.

Ou seja: o retorno de Steve Perry terá a melancolia como tema principal. E isso era até previsível, já que a principal causa de seu afastamento duradouro foi Patty Nash, mulher com quem Perry viveu uma batalha violenta contra um câncer que veio a vitimá-la em Dezembro de 2012.

Perry passou anos trabalhando a dor da perda, mas conforme revelou em recente entrevista a Q 104.3 FM (de New York), ele prometeu à Nash que não se manteria mais afastado da música.

Assim sendo, não me parece tão estranho que a aura do álbum seja mais romântica, mas me assusta saber que 80% do trabalho seja de baladas. Ainda há a versão deluxe que contém outras 5 canções, mas nenhum jornalista teve acesso à elas.

Pode ser que haja entre elas - oremos aos deuses - algum outro rocker que traga mais ânimo ao ouvinte, porque sejamos francos: não importa de quem seja o trabalho, um álbum quase em sua totalidade repleto de baladas, se torna cansativo rapidamente.

Em pouco mais de um mês saberemos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...