sexta-feira, 17 de maio de 2019

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Nessa semana vi uma discussão sobre se o 38 Special seria uma banda de southern rock ou de AOR. Não é segredo para ninguém que a banda pratica a primeira opção, mas também é fato que flertaram descaradamente com a segunda desde o início dos anos 80, perdendo a vergonha e arriscando suas fichas em "Rock & Roll Strategy", álbum de 1988 que marcou a estreia do vocalista e tecladista Max Carl, substituindo o veterano Don Barnes, que havia deixado a banda em 1987 (ele retornaria a banda em 1992 e lá está até hoje). Esse álbum divide opiniões até hoje e irrita tremendamente os fãs mais xiitas do 38 Special, mas agrada uma boa parte de fãs dos bons sons e motivos para isso não faltam.

O álbum tem momentos explicitamente distintos e os melhores ficam por conta do radio friendly rocker "Rock & Roll Strategy" (inofensivo, mas divertido) e "Little Sheba", que mescla uma base southern rock com elementos AOR de maneira satisfatória e nada além disso.

Mas os melhores momentos começam com "Comin' Down Tonight", um AOR calcado em guitarras, absolutamente radio friendly e empolgante como o que a banda havia feito de melhor nos anos 80, enquanto a fantástica "Midnight Magic" cede mais espaço aos teclados (sem esquecer das guitarras) em outro grande momento do álbum, mas a grande surpresa está em "Second Chance", uma balada arrebatadora, linda em todos os aspectos e o grande hit do álbum. Na verdade, essa canção foi o último single da banda a chegar ao Top 10 da Billboard, atingindo a posição #1 no Adult Contemporary Chart, #2 no Mainstream Rock Tracks e #6 no Hot 100. Essas três canções valem a aquisição do álbum e merecem sua irrestrita atenção, volume máximo e múltiplas audições.

Na mesma linha AOR/AC Rock, ainda temos a envolvente "Never Be Lonely" e a empolgante "Innocent Eyes", ambos rockers de primeira grandeza e dignos representantes da nova face que a banda buscava. Ainda, vale mencionar "Love Strikes" e sua sonoridade que remete a canções lançadas dois anos antes, mas que fecha o álbum com propriedade. De resto, as canções flutuam entre um southern rock com elementos AC Rock que resultam em material insosso, sem identidade e totalmente descartável.

38 Special, circa 1988: Chauncey, Carlisi,
Van Zant, Carl, Junstrom e Grondin
Em resumo, caríssimas e caríssimos, não há dúvidas sobre a origem e DNA absolutamente southern rock do 38 Special, mas as aventuras da banda pelo território AC/Rock e AOR renderam material de muita qualidade, como pode-se descobrir em canções como "If I'd Been The One", "Caught Up In You", "Like No Other Night", "Same Old Feeling" e outras tantas. Se você ainda não conhece "Rock & Roll Strategy" (ou os bons sons da banda), não faz ideia de quanta coisa boa está perdendo. Ah, e vale lembrar que esse álbum foi relançado em 2018 no Japão em edição SHM-CD que vale cada centavo investido...

38 SPECIAL - Rock & Roll Strategy
Released in April 1988 via A&M Records
Cat. #CD 5218

Tracklist
01 Rock &Roll Strategy
02 What's It To Ya?
03 Little Sheba
04 Comin' Down Tonight
05 Midnight Magic
06 Second Chance (assista ao vídeo aqui)
07 Hot 'Lanta
08 Never Be Lonely
09 Chattahoochee
10 Innocent Eyes
11 Love Strikes

Lineup
Max Carl: vocals, keyboards
Donnie Van Zant: vocals
Jeff Carlisi: guitars
Danny Chauncey: guitars
Jack Grondin: drums
Larry Junstrom: bass

Guest musicians
Robert White Johnson: backing vocals, percussion
James Stroud: synclavier, drum programming
Ed Miler: percussion, vibraslap
The Noise Gators: horns
The Six Groomers: backing vocals

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...