sexta-feira, 4 de outubro de 2019

RECOMENDAÇÃO DA SEMANA

Depois de dois belíssimos trabalhos como frontman do Seven, o grande Mick Devine dá início a sua carreira solo com "Hear Now", que chegará às lojas em meados de Outubro. Desde já é necessário dizer que a sonoridade desse álbum é menos óbvia do que alguns certamente esperam, mas há muita qualidade em todos os quesitos que mais importam. Com performances irretocáveis e ótimas canções, Devine nos oferece um belo e surpreendente trabalho em uma época em que a previsibilidade tem se constatado de maneira alarmante.

A envolvente "Strange Voices" abre os trabalhos com propriedade, trazendo camadas de teclados bem distribuídos entre guitarras cortantes em um rocker excelente, assim como "Live Forever" e suas camadas de guitarras (que trazem algo 70's para mim) em um rocker muito bem construído e com um refrão arrasador, enquanto a balada "Home" contrasta, de maneira perfeita, versos delicados com um refrão poderoso, em um dos melhores  momentos do álbum.

"So Much Better Now" é um lindo mid-pacer (que refrão!) que brilha no tracklist, exatamente como acontece com a balada "Hope Rising" e seus versos envolventes e aquele refrão marcante que tanto gostamos. Já "Standing In The Middle" é uma dose cavalar do AOR que Devine interpreta tão bem, assim como acontece em "Life Goes On", um mid-pacer crescente e bem muito bem construído, com uma sonoridade mais contemporânea bastante agradável, sem os modernismos atuais.

Mick Devine, circa 2019
E na reta final temos "Another Way" (outra balada que merece sua atenção), "Life Is An Open Road" (rocker empolgante que traz guitarras com uma aura southern muito bem-vinda) e "Game Over" (rocker mais frenético, com guitarras gritantes e estrutura simples, mas muito eficiente).

Em resumo, caríssimas e caríssimas, Mick Devine faz sua estréia solo com um belo trabalho. Um dos aspectos que mais me agrada em "Hear Now" é a variedade de abordagens melódicas sobre o mesmo tema que o álbum apresenta, e essa característica mostra a versatilidade de Devine como vocalista, algo que os mais atentos já haviam percebido em seus trabalhos com o Seven. Ainda, me parece difícil apontar algum grande destaque, já que o álbum é bastante coeso e segue uma linha cuidadosamente definida, ainda que permita alguns desvios aqui e ali. Assim sendo, não hesito em apontar "Hear Now" como uma das boas surpresas que 2019 trouxe, sendo merecedor de um lugar em sua coleção.

MICK DEVINE - Hear Now
To be released on Oct. 18th, via Escape Music
Cat. # ESM335

Tracklist
01 Strange Voices
02 Live Forever
03 Home
04 So Much Better Now
05 Hope Rising
06 Standing In The Middle
07 Life Goes On
08 Another Way
09 Life Is An Open Road
10 Game Over

Musicians
Mick Devine: vocals
Steve Morris: guitars, keyboards
Brian J. Anthony: drums, bass, acoustic guitars, mandelion, keyboards, backing vocals
Stefanie Johnson: backing vocals

Nenhum comentário:

Postar um comentário

JEFF SCOTT SOTO DIZ: "NÃO QUERO ENGANAR NINGUÉM"

O grande Jeff Scott Soto, circa 2020 Em anos recentes, cada vez mais artistas têm usado recursos tecnológicos para que seus shows soem mais ...