quarta-feira, 9 de agosto de 2017

O INJUSTIÇADO "OUT OF THIS WORLD" COMPLETA 29 ANOS

O excelente "Out Of This World" é o 4.º álbum na 
respeitável discografia do Europe
O melhor e mais consistente álbum que o Europe lançou na década de 80 - na minha modesta opinião - o excelente "Out Of This World" completa hoje seu 29.º aniversário como um dos mais injustiçados trabalhos na discografia dos suecos.

Gravado entre Março e Junho de 1988 em Londres, o sucessor do histórico "The Final Countdown" não teve o mesmo desempenho nas paradas, atingindo a posição #19 no Billboard 200. E dos seis singles lançados, três galgaram posições respeitáveis.

A belíssima "Superstitious" atingiu a posição #31 no Billboard Hot 100, #9 no Mainstream Rock Tracks e #34 no U.K. Singles Chart, e foi a última canção do Europe a figurar nas paradas nos Estados Unidos. Já a arrasadora "Let The Good Times Rock" alcançou a posição #85 no U.K. Singles Chart. Enquanto que a regravação de "Open Your Heart" (gravada pela própria banda quatro anos antes no ótimo "Wings Of Tomorrow") chegou na posição #86 no U.K. Singles Chart. Já "More Than Meets The Eye" (lançada como singles apenas na Espanha, França e Japão), "Sign Of The Times" e "Tomorrow" (lançada apenas no Brasil) não deixaram rastro nas paradas.

A exceção da última canção citada, as três anteriores tiveram vídeos lançados e podem ser assistidos aqui, aqui e aqui.

E apesar dos pesares, o álbum é, até hoje, o mais vendido na Suécia.

Produzido pelo veterano Ron Nevison, "Out Of This World" também marcou a estréia do ótimo Kee Marcello, substituindo o renomado John Norum nas guitarras. Essa mudança gera discussões até hoje entre os fãs, já que muitos viram a banda enfraquecer sua sonoridade, enquanto outros - como eu - acham que Marcello trouxe uma abordagem nova ao material do Europe

E falando no guitarrista, em sua autobiografia "The Rock Star That God Forgot" ele escreveu sobre o tracklist do álbum, alegando ter escrito canções que acabaram recusadas. Entre elas, ele destaca "Too Far Gone", "Another World" e "Can't Fake Love".

Ainda sobre o tracklist, Marcello afirma que a banda considerou gravar uma canção escrita por um compositor de fora. Essa história já era bastante conhecida em 1988 e Marcello revelou que o tal compositor era ninguém menos que Diane Warren, uma das maiores, melhores e mais influentes compositoras na história da indústria musical norte-americana.

Europe, circa 1988: Mic Michaeli, Kee Marcello,
Joey Tempest, John Léven e Ian Haugland
A canção que foi submetida à banda - e recusada - era nada menos que "Look Away", mega-sucesso do Chicago e lançada em 09 de Dezembro de 1988. O single atingiu a posição #1 no Billboard Hot 100 e foi também produzido por Nevison. Vale lembrar que esse single é o mais vendido na longa história do Chicago. Você pode assistir ao vídeo dessa canção aqui.

O álbum contou com as colaborações de Keith Murrell (responsável por backing vocals em "Coast To Coast" e "Just The Beginning") e de Mike Moran (o regente das cordas).

Seja como for, é inegável que "Out Of This World" é nao apenas um grande álbum na carreira do Europe, mas também um belíssimo trabalho dentro do universo AOR da década de 80.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO

Caríssimas e caríssimos Hoje me dirijo à São Paulo para o show dos irlandeses do U2. Com isso, a Recomendação Da Semana não será...